ÁREA DO ASSOCIADO

Faça seu login para ter acesso completo a sua conta.

Dúvidas: (92) 3651.7798 | 3308.9313 . contato@simeam.org

Notícias

JUIZ CONCEDE LIMINAR AO PRESIDENTE DO SIMEAM CONTRA RONALDO TIRADENTES

Segunda-Feira, 15 de fevereiro de 2021

Apresentador deve se abster de veicular matérias com baixo calão envolvendo o nome de Mario Vianna e pagará multa de R$3 mil reais se não cumprir determinações da Justiça.

O juiz José Rener da Silva Guimarães, da 5ª Vara Cível e Acidentes de Trabalho, acolheu o pedido de indenização por danos morais com pedido de tutela de urgência ingressada pelo presidente do Simeam, Dr. Mario Vianna contra o apresentador Ronaldo Tiradentes, dono da rede de rádio e televisão Tiradentes.

De acordo com o magistrado, o apresentador "claramente extrapolou o limite mínimo de legitimidade da liberdade de imprensa ao veicular narrativa sem benefício claro ao interesse público", diz trecho da decisão proferida no processo nº 0612085-46.2021.8.04.0001.

O apresentador do programa Manhã de Notícias usou seu veículo de comunicação para atacar a moral e a honra do representante da classe médica amazonense, chegando a proferir palavras de baixo calão e afirmar que Mario Vianna recebe salário como servidor do estado sem trabalhar, mesmo sabendo que o direito à remuneração e ao afastamento de suas funções laborais para o exercício sindical é garantido pela Lei.

Na decisão, o juiz determinou a remoção do link eletrônico das edições do programa Manhã de Notícias onde Ronaldo Tiradentes usa palavras pejorativas e ofensivas contra Mario Vianna. Os links da versão eletrônica do programa no sítio da rede de comunicação devem ser removidos no prazo de 48 horas; que o apresentador se abstenha de veicular matérias com baixo calão envolvendo o nome de Mario Vianna; e fixou multa diária de R$3 mil reais, até o limite de 10 dias, em caso de descumprimento das determinações.

Deixe seu comentário