ÁREA DO ASSOCIADO

Faça seu login para ter acesso completo a sua conta.

Dúvidas: (92) 3651.7798 | 3308.9313 . contato@simeam.org

Notícias

TCE E SIMEAM CONVERSAM SOBRE A SITUAÇÃO DA SAÚDE DO AM

Quarta-Feira, 07 de outubro de 2020

O presidente do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), conselheiro Mario Manoel Coelho de Mello recebeu em seu gabinete, na tarde desta terça-feira, 06/10, o presidente do Sindicato dos Médicos (Simeam), Dr. Mario Vianna. A pauta do encontro teve como foco a situação da saúde do estado e o evento que o TCE realizará no próximo dia 15/10, em comemoração aos 70 anos da entidade.

Para o representante da classe médica no Amazonas, a reunião com o presidente do Tribunal de Contas do Estado foi bastante positiva tendo em vista a forte atuação do órgão e sua importância na fiscalização dos recursos para uma saúde pública de qualidade.

Tudo depende de recursos financeiros e ao longo dos últimos anos ficou evidenciado que é quase impossível fiscalizar a saúde a finco. Na contramão desse pensamento, o TCE-AM tem mostrado firmeza e compromisso com a coisa pública e quem ganha com essa postura é o cidadão, principal usuário dos serviços da saúde”, avaliou Mario Vianna.

O presidente o Simeam entregou ao conselheiro presidente do Tribunal de Contas um documento que faz uma análise cronológica do caos da saúde durante o atual governo. Vianna falou sobre a falta de aparelho de tomografia, a falta de cirurgias cardíacas no Hospital Francisca Mendes, ainda pediu apoio para a aprovação da Carreira de Médico de Estado (CMEAM).

Não ter um tomógrafo no Pronto-Socorro João Lúcio, que é referência em casos de neurologia, é o mesmo que condenar os pacientes a mortes. Como os profissionais vão avaliar a situação dos pacientes sem o exame de imagens, que auxilia nas tomadas de decisões?”, questiona Vianna.

Sensibilizado com as pautas apresentadas, o titular do TCE-AM, conselheiro Mario Manoel Coelho de Mello lembrou da atuação do Tribunal durante o momento mais crítico da pandemia no Amazonas no que diz respeito a compra dos ventiladores. Ele disse ainda que vê na Carreira de Médico de Estado como a melhor opção para oferecer uma saúde de qualidade.

Penso que o mesmo modelo de projeto deveria ser aplicado na Educação. Com isso teremos mais profissionais comprometidos pela vida e mais pessoas tendo acesso à saúde de qualidade”, disse o conselheiro, destacando o posicionamento firme do TCE durante o escândalo referente a compra de aparelhos ventiladores pelo executivo estadual. “A CPI foi um instrumento importante”, afirmou o presidente do TCE-AM.

 

 

 

Deixe seu comentário