ÁREA DO ASSOCIADO

Faça seu login para ter acesso completo a sua conta.

Dúvidas: (92) 3651.7798 | 3308.9313 . contato@simeam.org

Notícias

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Terça-Feira, 26 de maio de 2020

Diante da repercussão da matéria “SIMEAM PEDE PROVIDÊNCIAS AO CRM/AM SOBRE ESTUDO OBSCURO DA CLOROQUINA” publicada no site do Simeam www.simeam.org.br e em nossas redes sociais no dia de ontem, 25/05/2020, o Sindicato dos Médicos do Amazonas vem a público fazer alguns esclarecimentos:

1. O Simeam pediu providências ao Conselho Regional de Medicina do Amazonas – CRM/AM justamente para elucidar os fatos científicos sobre o combate e tratamento ao Covid-19. Outrossim cabe esclarecer que o CRM/AM já tinha feito uma nota no dia 17/04/20 que iria apurar as questões relacionadas a pesquisa e o SIMEAM somente no dia 18/5/20 fez a solicitação de apurar as denúncias feitas nas mídias sociais, portanto posterior ao órgão fiscalizador;

2. Em nenhum momento nós nos manifestamos contra a ciência ou aqueles que dedicam sua vida a ela. Afinal, nós acreditamos que não existe Medicina sem a Ciência. Também em nenhum momento nominamos quem quer que seja;

3. O tema em questão é objeto de debates não apenas dentre a classe médica, mas na sociedade como um todo. Ainda mais passando o mundo por uma das maiores crises sanitárias da história da humanidade. Por isso nossa preocupação é que os médicos e médicas do Amazonas tenham o maior respaldo científico possível para a prescrição de quaisquer substancias para o combate desse inimigo letal chamado Covid-19;

4. Recebemos com absoluta tranquilidade e espírito democrático a todos os questionamentos realizados por colegas médicos, em nossa página no instagram @simeamoficial, mas questionamos o porquê de alguns ataques pessoais se entendemos que o CRM/AM como entidade reguladora da profissão médica possui os meios e instrumentos para emitir opinião? Não estamos aqui contestando a existência do estudo citado, mas demandamos de um esclarecimento de nossas entidades médicas reguladoras, sobre os questionamentos de outros pesquisadores, médicos e sociedade.

5. O Simeam reafirma que repudia toda e qualquer forma de veiculação e propagação de notícias falsas, ou que ameacem a integridade de quaisquer pessoas. Nosso questionamento sobre o estudo perante o CRM/AM se deve em parte por provocações dos próprios médicos e da necessidade de termos uma decisão definitiva sobre a eficácia do medicamento pesquisado. Nesse sentido pedimos desculpas sem qualquer constrangimento se alguma das matérias referenciadas forem de fato fakenews. Pois é algo que, com certeza, não concordamos.

A entidade sindical médica do Amazonas busca com isso contribuir para que os profissionais continuem a vencer a guerra contra o Covid-19. O momento é de unirmos forças em defesa da vida de pessoas que agora sofrem com o novo coronavírus e que necessitam de meios que mitiguem e eliminem essa síndrome.

Não é com politização, erro ou dolo que vamos vencer essa guerra e fazer a vida cotidiana voltar ao seu curso normal.

JUNTOS SOMOS MUITO MAIS FORTES!!!!!!

Deixe seu comentário

Notícias anteriores